Paulistano, hoje mora no interior com a família, mas não conseguiu se livrar do caos da cidade grande, já que “viaja” todos os dias para trabalhar. Nos vagões do metrô, irrita-se com a falta de educação das pessoas. Corintiano fanático, não perde um jogo do time de coração, seja no estádio, TV, rádio ou pelo celular, através dos SMS enviados pelos pais, igualmente fanáticos. Usa o jargão “Aqui é Corinthians” mesmo fora de contexto.Super tímido, briga contra a vermelhidão que surge em sua face nas horas mais inoportunas. Sua maior vitória ocorreu quando conseguiu exibir uma foto própria de nu artístico sem desmaiar. Segue buscando um jeito de dar conta de ler tudo o que gostaria, entre livros, quadrinhos, revistas e sites da internet.